Do caso Banestado à Operação Lava Jato

Do caso Banestado à Operação Lava Jato

Juíza Gabriela Hardt e delegada Erika Marena falam sobre assunto no 1º Fórum Nacional sobre Crimes Econômico-Financeiros, em Curitiba

Por Daniela Licht

O escândalo do Banestado, caso que envolveu remessas ilegais de divisas para o exterior (desvios que chegariam a US$ 20 bilhões) e atraiu a atenção da imprensa e da sociedade na década de 90, será debatido no 1º Fórum Nacional sobre Crimes Econômico-Financeiros, promovido pela Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF) em Curitiba de 12 a 14 de março (terça a quinta-feira), no Teatro Positivo.

O link entre o caso Banestado (que levou a uma investigação federal e a posterior abertura de uma CPI em 2003) e a Operação Lava-Jato norteará uma mesa redonda que terá a presença da juíza Gabriela Hardt (foto / juíza da 13ª Vara Federal à frente dos processos da Lava Jato), da delegada Erika Marena (diretora do Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional/DRCI da Polícia Federal) e do perito criminal federal Eurico Montenegro, com mediação efetuada por Fábio Augusto da Silva Salvador, Diretor Técnico-Científico da Polícia Federal.

A mesa redonda “Do caso Banestado à Operação Lava Jato” está marcada para quarta-feira (13.03), das 8h30 às 10h. Informações e inscrições em http://forumcrimesfinanceiros.org.br/

Do caso Banestado à Operação Lava Jato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *